sábado, 25 de maio de 2024

Libertário Javier Milei é eleito o presidente da Argentina; confira

Javier Milei, o candidato libertário ultraliberal foi eleito, nesse domingo (19) presidente da Argentina pelos próximos quatro anos. Com 99,28% das urnas apurados, Javier Milei obteve 55,69% dos votos, contra 44,30% do candidato Sergio Massa, atual ministro da Economia.

Economista, Milei assume a presidência em um cenário de grave crise econômica, onde a inflação chegou a 142,7% nos 12 meses terminados em outubro. Através de sua postura antissistema, ele prometeu até dolarizar a economia e extinguir o Banco Central argentino para acabar com a inflação, mas amenizou outras promessas no segundo turno, prometendo não privatizar a saúde e as escolas públicas.

Javier Mieli, chega ao poder apenas dois anos após começar na política. O economista ficou famoso na TV, como comentarista econômico em programas de televisão e atraiu o apoio de jovens com um discurso incendiário e uma intensa campanha nas redes se posicionando contra aos políticos tradicionais, que chama de “a casta”.

Apesar disso, no segundo turno, Mielo se aliou a políticos da direita tradicional, como o ex-presidente Mauricio Macri e a candidata derrotada Patricia Bullrich. Durante a campanha, Milei foi comparado a políticos como o ex-presidente norte-americano Donald Trump e o ex-presidente brasileiro Jair Bolsonaro. Comparações que estamparam as redes sociais após a vitória de Mieli.

Ex-presidente Jair Bolsonaro com o cabelo de Javier Milei. – Reprodução Telegram

O futuro presidente argentino, que assumirá a Casa Rosada em 10 de dezembro, se assume como libertário e anarcocapitalista e declarou-se defensor de ideias como a comercialização de órgãos e a livre venda de armas. Durante o segundo turno, criticou o papa Francisco, a quem chamou de comunista.

Leia também:

ONU alerta que emissões globais cairão apenas 2% até 2030

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe

Recentes

Leia Também

Papa recebe demandas de adolescentes sobre crises climáticas

Maria Helena Garrido, 17 anos, viveu de perto a...

Enem 2024: provas acontecerão em 3 e 10 de novembro

O cronograma do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem)...

Crescem manifestações contra Israel em faculdades dos Estados Unidos

Protestos contra Israel encheram as ruas do Brooklyn e...
g