...

Câmara e Senado fazem entrega simbólica a Lula de decreto de intervenção na segurança do DF – Notícias

Lira discursa durante entrega simbólica do decreto de intervenção no DF a Lula

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), e o 1º vice-presidente do Senado, Veneziano Vital do Rego, acompanhados de líderes partidários das duas Casas, participaram de ato no Palácio do Planalto para a entrega simbólica ao presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, do decreto de intervenção na área da segurança pública no Distrito Federal, aprovado pelo Parlamento.

O decreto editado no domingo por Lula, após os atos de vandalismo cometidos por radicais apoiadores do ex-presidente Jair Bolsonaro, precisava ser chancelado pelas duas Casas do Legislativo. A Câmara votou o texto no dia seguinte aos atos, e o Senado, ontem.

Lira afirmou que a aprovação da intervenção demonstra uma unidade da Federação numa linguagem única em defesa da democracia brasileira. Segundo ele, o decreto editado por Lula era necessário para combater os atos de vandalismo e de ofensa à Constituição.

“O ato de entrega do Projeto de Decreto Legislativo cumpre o rito democrático, legal e constitucional que por certo tomarão rumo com diálogo e firmeza na defesa da democracia”, afirmou Lira na solenidade.

Veneziano Vital do Rego afirmou que o simbolismo do ato de entrega do decreto aprovado pelo Parlamento mostra unidade do País no combate a esses atos terroristas. “Demonstra a solidariedade das 27 unidades que trouxeram apoio e se dizerem indignados com os atos perpetrados por aqueles que imaginavam abalar nossas pilastras institucionais”, disse.

O líder do governo no Congresso, senador Randolfe Rodrigues, afirmou que os Poderes da República atacados responderão de igual forma contra o fascismo e o terror. “O ato representa o papel do Congresso de que o terror não terá lugar neste País. Este País tem espaço para todas posições políticas, mas este País não terá espaço para o fascismo e o terror e só se cabe uma posição: a posição do combate”, destacou o senador.

O presidente Lula agradeceu o apoio do Congresso e afirmou que todos que desrespeitarem a ordem democrática serão punidos com o rigor da lei.
“O gesto [de entregar simbolicamente o decreto aprovado pelo Parlamento] é garantir que a democracia continue sendo o sistema de funcionamento da política brasileira. Eu não queria ter feito uma intervenção, queria ter conversado, mas eles não queriam conversar, queriam praticar o vandalismo no Brasil”, disse o presidente.

Ato político
Antes do encontro com o Legislativo, o presidente Lula recebeu o governador do Pará, Helder Barbalho, para tratar de temas ambientais. O governador adiantou que um ato político do Parlamento brasileiro com a sociedade deverá ocorrer próximo a abertura do ano legislativo. Perguntado por um correspondente estrangeiro sobre os riscos dos atos antidemocráticos se espalharem pelo Brasil e América do Sul, disse ser necessário estar sempre vigilante.

Via: https://www.camara.leg.br/noticias/933799-camara-e-senado-fazem-entrega-simbolica-a-lula-de-decreto-de-intervencao-na-seguranca-do-df/

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Recentes

Leia Também

Após ameaças da extrema direita Maria da Penha recebe proteção

Maria da Penha Maia Fernandes está recebendo proteção especial...

Taxação de compras internacionais de até US$ 50 é aprovada no Senado

O plenário do Senado aprovou nesta quarta-feira (4) o...

Hoje é o prazo final para regularizar ou transferir título de eleitor

Hoje, quarta-feira (8), é o último dia para regularizar...
g