...

Cidades capixabas: por que Anchieta ?

Continuando nossa série vamos desvendar a história por trás do nome da cidade de Anchieta, localizada na região sul do Estado.

Anchieta

O município de Anchieta possui uma história rica que remonta às raízes indígenas e à influência dos padres jesuítas.

Originada de uma aldeia indígena catequizada por padres jesuítas, a localidade teve sua primeira denominação, Rerigtiba, cujo significado é “lugar de muitas ostras”.

Em 15 de agosto de 1579, Nossa Senhora da Assunção foi escolhida como padroeira da vila. No mesmo dia, iniciou-se a construção da igreja, hoje Santuário Nacional de Anchieta.

Em 1º de janeiro de 1759, Rerigtiba passou a se chamar Vila Benevente e, em 12 de agosto de 1887, foi elevada à categoria de cidade, oficialmente denominada Anchieta.

A cidade foi instalada em 2 de dezembro de 1887, em homenagem ao seu fundador, Padre José de Anchieta. O nome homenageia São José de Anchieta, um padre jesuíta espanhol que desempenhou um papel importante no período colonial do Brasil.

Nascido nas Ilhas Canárias em 1534, José de Anchieta juntou-se aos jesuítas e veio ao Brasil em uma expedição comandada por Duarte da Costa, para catequizar os povos indígenas. Sua devoção incansável à missão lhe rendeu a alcunha de “Apóstolo do Brasil”.

Ele deixou uma influência duradoura na evangelização e catequese, abrangendo regiões como a Bahia, Rio de Janeiro, São Paulo e, evidentemente, o Espírito Santo.

O nome Anchieta continua a ser uma homenagem a esse legado, consolidando-se como uma das cidades mais antigas e significantes do estado e do Brasil.

Reprodução prefeitura de Anchieta

O Santuário Nacional de São José de Anchieta é um dos pontos marcantes e sagrados dá cidade. Localizada no Morro da Penha, no local você pode mergulhar na história da fé brasileira. O espaço constitui um conjunto arquitetônico do período colonial brasileiro, que inclui a praça principal e o Museu São José de Anchieta.

Diversos fiéis e turistas até hoje visitam a região por ser o local onde o padre José de Anchieta passou os anos finais de sua vida.

Leia também:

Cidades capixabas: por que Alfredo Chaves?

 

Bruno Caetano
Bruno Caetano
Bruno Caetano é estudante de jornalismo, amante de histórias em quadrinhos, curioso desde pequeno pelo desconhecido e um grande observador de histórias reais, se encontrou na rua e nela se tornou poesia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Recentes

Leia Também

g