...

PL que classifica lançar lixo do carro como infração grave é aprovado pela CCJ 

Nesta quarta-feira (16), a Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) do Senado aprovou o Projeto de Lei (PL) 1.644/2019. O projeto, apresentado pelo senador Veneziano Vital do Rêgo (MDB-PB), tem como objetivo categorizar como infração grave a ação de jogar lixo para fora de veículos em movimento. Além disso, o projeto prevê uma multa no valor de R$ 195,23 e a perda de cinco pontos na carteira de motorista do infrator.

O relator do projeto na CCJ, senador Fabiano Contarato (PT-ES), emitiu um parecer favorável com uma emenda de redação. O PL, aprovado em caráter terminativo na CCJ, será direcionado à Câmara dos Deputados, a menos que ocorra algum recurso para que a votação seja realizada no Plenário do Senado.

A proposta visa a alteração do artigo 172 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), transformando a infração de lançar objetos ou substâncias para fora do veículo ou abandoná-los na via de média para grave. De acordo com o CTB, infrações graves são aquelas que acarretam alto risco tanto para o infrator quanto para os demais usuários das vias, resultando em penalidades mais substanciais. A multa estabelecida para infrações graves é de R$ 195,23, e a infração acarreta na perda de cinco pontos na carteira de motorista.

O autor do projeto, senador Veneziano Vital do Rêgo, justificou a proposta enfatizando que atirar lixo para fora do veículo ou abandonar objetos na via não apenas contribui para o acúmulo de resíduos, mas também representa um desrespeito à população e ao meio ambiente. Além disso, ressaltou que essas ações podem levar a acidentes, inclusive de gravidade significativa.

O relator, Fabiano Contarato, concordou com o autor, destacando que o Código de Trânsito Brasileiro considera infração aquelas condutas que prejudicam a fluidez do tráfego ou impõem riscos aos demais condutores e pedestres. Lançar objetos da janela do veículo, segundo o relator, pode assustar outros motoristas e resultar em acidentes. Da mesma forma, objetos deixados na via podem surpreender condutores, provocando desvios bruscos e potencialmente causando colisões.

Caso o projeto seja aprovado como lei, poderá representar um avanço no sentido de incentivar comportamentos mais responsáveis por parte dos motoristas, promovendo maior segurança nas vias e respeito ao meio ambiente. Com informações da Agência Senado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Recentes

Leia Também

Após ameaças da extrema direita Maria da Penha recebe proteção

Maria da Penha Maia Fernandes está recebendo proteção especial...

Taxação de compras internacionais de até US$ 50 é aprovada no Senado

O plenário do Senado aprovou nesta quarta-feira (4) o...

Hoje é o prazo final para regularizar ou transferir título de eleitor

Hoje, quarta-feira (8), é o último dia para regularizar...
g